Bahia busca a primeira vitória fora de casa para se firmar no G4

Tricolor enfrenta o Goiás, nesta terça-feira (7), às 21h30, no estádio Serra Dourada, em Goiânia
Instável. Assim tem sido o Bahia neste começo de Série B. O tricolor saiu e entrou do G-4 nas seis primeiras rodadas do Brasileiro e ainda tenta embalar no campeonato. A ideia é se firmar a partir de hoje, quando enfrenta o Goiás, às 21h30, no Serra Dourada, em Goiânia. Sportv 2 transmite.

“Temos que nos manter no G4 e a gente está indo para vencer o jogo, para dar uma sequência nesse momento bom”, prega o técnico Doriva. Dona de 11 pontos, a equipe comandada por ele é a terceira colocada. A posição foi conquistada na sexta-feira passada, após vencer o Paysandu por 3x0, na Fonte Nova. Se não quiser perdê-la, o tricolor vai precisar mostrar sua força contra os goianos. O retrospecto recente indica isso.

O Bahia também esteve no G4 após a primeira e a terceira rodadas, quando ocupou a quarta colocação, após vencer Avaí (2x1) e Joinville (1x0), na Fonte Nova, mas vacilou e deixou o grupo de acesso em seguida, na segunda e quarta rodadas, quando caiu para quinto e sexto lugares, respectivamente, após empate com Paraná (0x0), na Vila Capanema, e derrota para o Vasco (4x3), em São Januário.

Mais uma vez, o Bahia vai defender a permanência no G4 fora de casa e precisará escrever uma história diferente no jogo de hoje para conseguir se manter no grupo de acesso. Somente um triunfo diante do Goiás garante a permanência nele. Isso porque 10 times tem a chance de ultrapassar o Bahia na classificação nesta sétima rodada: Brasil de Pelotas, com os mesmos 11 pontos, Náutico, Avaí, Ceará e Criciúma, com 10, CRB, Luverdense, Londrina e Paraná, com 9, e até o Oeste, que soma 8 e está em 13º lugar.

Por isso, esse é o melhor momento para o Esquadrão comemorar seu primeiro triunfo fora de casa no atual Campeonato Brasileiro. Inclusive porque o Goiás não passa por boa fase. A equipe do técnico Enderson Moreira é a 15ª colocada, soma apenas cinco pontos e ainda não venceu como mandante. Em casa, empatou com o Londrina e com o Brasil de Pelotas, ambos em 1x1.

“É importante tirar proveito desse momento, pois o atleta fica sem confiança quando os resultados não vêm. Mas o Goiás sempre vai ser um candidato a buscar o acesso pela tradição que tem e por ser uma grande equipe. A tendência é que seja um jogo difícil”, pondera Doriva.

O treinador tricolor tenta vencer a segunda partida seguida pela primeira vez na Série B para ver a arquibancada de Pituaçu cheia na rodada seguinte, contra o CRB. “A gente tem que dar sequência para que o nosso torcedor possa ir em maior número nos prestigiar já na sexta-feira. Ele sempre foi a força do Bahia”.
.
Fonte: Correio24horas / Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/E.C.Bahia
Compartilhar:
←  Anterior Proxima  → Página inicial

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Facebook

Parceiros

Melhores Rádios

Radio

Seguidores

Total de visualizações