Open top menu
sábado, 16 de abril de 2016

Uma queda de braço entre Barcelona e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) por causa de Neymar está longe de terminar. Nesta sexta-feira, o presidente do clubes espanhol, Josep Maria Bartomeu, reiterou o que havia dito, em uma carta enviada à entidade brasileira no começo deste mês, que o atacante só será liberado para uma das duas próximas competições da seleção: Copa América Centenário, em junho, nos Estados Unidos, ou os Jogos Olímpicos do Rio, em agosto.

A preferência do Barcelona, segundo a carta do clube, é pela Olimpíada. No entanto, a CBF tenta um acordo para que Neymar possa disputar as duas competições, alegando que tem um plano para o jogador passar por períodos de descanso antes da Copa América e antes dos Jogos Olímpicos.

"Enviamos uma carta à CBF na qual dissemos que jogadores de futebol devem descansar pelo bem do Barça e de sua seleção e fizemos uma proposta. Entendo que o jogador queira jogar tudo, mas pedimos que valorizem o futebolista e jogue só uma competição. Preferíamos que fossem os Jogos Olímpicos. Se proibiremos ou não, em breve veremos. Primeiro falaremos, mas se tivermos que impor alguma coisa vamos impor", afirmou o presidente do Barcelona.

Pela regulamentação da Fifa, o Barcelona só é obrigado a liberar Neymar para a Copa América Centenário, que ocorrerá entre os dias 3 e 26 de junho, por ser data-Fifa. Para os Jogos Olímpicos - entre 4 e 21 de agosto - não existe esta obrigatoriedade, pois o atacante já tem mais de 23 anos.

Assim, o Barcelona está incomodado com a postura da CBF e estuda barrar Neymar para a Olimpíada como represália à pressão feita pela entidade brasileira.

Tagged
Different Themes
Written by Lovely

Aenean quis feugiat elit. Quisque ultricies sollicitudin ante ut venenatis. Nulla dapibus placerat faucibus. Aenean quis leo non neque ultrices scelerisque. Nullam nec vulputate velit. Etiam fermentum turpis at magna tristique interdum.

0 comentários